A proliferação de falsos mitos como “pessoa pública”, “lugar público” e “interesse público” banalizaram o direito de imagem. Será, então, que ainda o temos? O encontro abordará as dificuldades e ausências de regras de quem está sujeito à exposição e de quem se vale desta exposição. Serão discutidos também alguns casos e a busca pelo uso justo de imagens por meio da autorregulamentação.
3 encontros | sábado, das 11h às 18h
25/8 1. Ron Galella: o “paparazzi” a não ser seguido 
Das 11h às 13h
25/8 2. Falsos mitos de pessoa pública, lugar público e interesse público 
Das 14h às 16h
25/8 3. Em busca do uso justo de imagens 
Das 16h às 18h

Quando: sábado, 25 de agosto, das 11h às 18h
Onde:
Casa do Saber Jardins/Mario Ferraz
Quanto:
R$ 195 na inscrição + 1 parcela de R$ 195


Helder Galvão
é mestrando pela UFRJ, especialista em Direito Civil pela UERJ e graduado pela PUC/RJ. Pesquisador do Núcleo de Estudos e Pesquisa em Direito, Artes e Políticas Culturais (NEDAC), Assistente nos cursos "Midias, Entretenimento e Direito" e "Direitos Autorais" pela PUC/RJ. Coautor do livro "Mídias e Direito", a ser publicado pela Editora Atlas. Secretário-Geral da Comissão de Direitos Autorais da OAB/RJ. Advogado e sócio de Candido de Oliveira Advogados, escritório com 120 anos de fundação.